A Travellerspoint blog

Tailandia II

Chiang Mai


View Adriana and Moff rwt trip plan & Adriana and Moff trip plan on Themoffats's travel map.

Chegamos a Chiang Mai no meu aniversario. Assim que saimos do comboio encontramos um homenzinho com o meu nome escrito para me levar para a guesthouse que tinhamos organizado, SK House II. Esperamos um pouco para ele tentar arranjar mais clientela. Por fim, iamos 6 num grande tuk tuk. A gusthouse parecia ficar um pouco longe, mas assim que la chegamos todas as preocupacoes se foram. Era uma excelente guesthouse :). O nosso quarto era espacoso, limpo e tinha televisao. Descansamos, mas logo nos arranjamos para ir visitar a cidade.

Depois de nos perdermos vezes em conta, la encontramos o templo mais famoso do Norte da Tailandia, Wat Phra Sing, que nos deixou um pouco desapontados depois de visitar Wat Pho em Banguekok. Visitamos tambem outros templos mas eles agora ja se estao a parecer muito uns com os outros...:/. Voltamos para a guesthouse porque tinhamos uma reuniao as 18h acerca do trek que iriamos fazer no dia seguinte. Assim que chegamos fomos levados num tuk tuk - carrinha ate a SK House I, uma guesthouse da mesma familia que a nossa. La conhecemos algumas das pessoas que iam fazer o trek: Vanessa e o Cris, um casal da Alemanha; Jenni e Dennis, outro casal alemao; Hege e Oddi, um casal da Noruega; e o Matthieu, um frances. A nossa guia chama-se Olli, e esta sempre a tentar fazer piada de tudo. Parece que vai ser um bom trek. Olli tambem nos informa que ha mais 2 raparigas que vao connosco, mas que so chegam mais tarde. Depois de todos os avisos de seguranca e de relembrar o itinerario, somos transportados outra vez para a nossa guesthouse. Como era o meu aniversario, pensamos ir ao centro, ao mercado da noite (night market) e ver alguns restaurantes por la. A explorar o mercado, encontramos o Kalare Food Center, uma especie de foodhall cheio de pequenos restaurantes que vendiam comida de diferentes paises: vietname, india, tailandia, laos... mas o que chamava a atencao neste corredor era um palco com pessoas a actuar de gratis. Decidimos jantar por la.. Depois de jantar fui receber o meu presente de aniversario: uma massagem corporal por uma hora que me custou.... 3euros! :) Agora estava pronta e fresca para os proximos dias na floresta!

13_Mar_3.jpg 13mar.jpg13mar2.jpg
Wat Phra Sing e outras fotos de Chiang Mai

13_Mar_4.jpg13_Mar_5.jpg
Chiang Mai a noite

13_Mar_6.jpg513_Mar_7.jpg13_Mar_8.jpg
Kalare Food Hall

13_Mar__tuk_tuk.jpg

No dia seguinte, 14 de Marco, levantamo-nos cedo e fomos levados para a SK House I para ir buscar os restantes "companheiros de viagem". Ai conhecemos mais 2 raparigas inglesas que tambem iam fazer a "viagem" connosco: Rachel e Georgia. Devagarinho comecamo-nos a conhecer uns aos outros durante a viagem ate ao Norte de Chiang Mai. Depois de 2 horas de viagem, chegamos ao lugar onde teriamos de comecar a marchar. Depois de 1h30 la chegamos a cascata... (ca pra nos, estava a espera de algo melhor). Depois de uma grande caminhada, soube bem banhar nas aguas geladas da floresta. No entanto, meia hora depois era hora de continuar a marcha por mais 1h30, entre calhaus e rochas e pontes de suspensao, a 2parte da marcha foi um pouco mais complicada, mas toda a gente chegou bem ao "abrigo" onde iriamos pernoitar. Aqui ficam algumas fotos:

14_Mar.jpg14_Mar2.jpgIMG_0274.jpg14_Mar4.jpg
Trek na floresta
IMG_0478.jpg8IMG_0444.jpgIMG_0462.jpg14_Mar5.jpg
Onde pernoitamos

Quando la chegamos fomos pousar as nossas "mochilas" e depois fomos explorar a area.. Havia uma vila nao muito longe do abrigo que decidimos ir visitar para "matar tempo". Quando voltamos era quase hora de jantar (onde comemos um curry de galinha). Depois de jantar, enquanto alguns foram dormir na nossa "cama comum gigante", eu, o casal noruegues e o Mathieu ficamos na conversa a falar sobre a cultura britanica. O Moff, no entanto, foi pescar camarao e caranguejo com o resto dos locais. A Hege estava tambem assustadissima porque havia uma aranha gigante perto das escadas que vao para o nosso "quarto" e havia outra ainda maior no tecto da "cozinha". No mesmo abrigo havia outro grupo de pessoas que estavam a fazer o trek de 3 dias (em vez de 2). Reunimo-nos a volta da fogueira com eles e la conheci o Francesco, um italiano que adora Portugal e a comida portuguesa, a empatia, entao, foi natural. Tambem conhecemos outro casal, Nick e Ben, da inglaterra, e mais duas inglesas, Lianne e Alice.

14_Mar6.jpg14_Mar7.jpg14_Mar9.jpg14_Mar8.jpg

No dia seguinte, levantamo-nos e caminhamos por 1h30 onde uma carrinha nos esperava. Iamos entao dar uma volta de elefante. Almocamos primeiro onde Olli me deu a experimentar outra comida tailandesa, Pad Thai. Nunca fui fa de noddles, muito menos de vegetais.. mas Pad Thai de certeza que me conquistou. "Ainda ha mais?". Depois de brincar com elefantes, era hora de ir dar uma volta com eles. Eu e o Jonathan compramos 2 "trocos" de bananas visto que o nosso elefante estava sempre a comer. Ao mesmo tempo que estava contente por estar num elefante, estava tambem preocupada como ele era tratado. Sei que so faz cerca de 1 hora por dia... mas o meu era cego de um olho, e os elefantes a minha frente era "chicoteados" com um pau sempre que paravam... Ao mesmo tempo, sei que se nao fosse pelo turismo, que os elefantes estariam a fazer outro tipo de trabalhos pesados, como arrastar troncos de arvores. Ao menos assim, penso eu, os alimentavamos e so "trabalhavam" por uma hora...

15_Mar2.jpgGetAttachment4.jpgGetAttachment2.jpgGetAttachment3.jpg

Depois dos elefantes preparamo-nos para o "white water rafting". Dividimo-nos em duas equipas e la fomos nos com toda a energia abaixo o rio. Os locais la paravam para nos acenar ou atirar com agua amigavelmente. Acabamos por ir todos pra agua e brincar com os miudos euforicos. Foi uma tarde sensacional. Depois do rafting fomos visitar uma tribo. Eles tem uma teoria de casamento muito estranha. Olli contou-nos que os homens solteiros batem a porta de casa de uma mulher solteira, e ela tem de os deixar entrar tendo relacoes sexuais com ele. Quando ela fica gravida, ela e que decide quem e o pai da crianca, obrigando-o a casar com ela. Depois da tribo la voltamos para a "carrinha" e ainda demorou 2 horas ate estarmos de volta a Chiang Mai.

15_Mar4.jpg
IMG_0198.jpgth_IMG_0199.jpg
IMG_0591.jpg

Trocamos emails com o restante grupo e combinamos ir ao famoso mercado de domingo (Sunday Night market), que ocupa 3 principais ruas de Chiang Mai. Depois de um banho estavamos prontos para sair outra vez. Encontramo-nos com ambos os casais alemaes e o casal noruegues. Quando chegamos ao lugar do mercado nem queriamos acreditar. O mercado era enorme e lindissimo! Ate havia comedores dentro da area dos templos, e havia "lojas" para todos os gostos e feitios. Triste e frustrada nao podia comprar nenhuma das coisas que os outros 3 casais compravam. No entanto, os 3 casais estavam na Tailandia so por 2 semanas, eu ainda tinha 6 semanas mais de viagem... a ideia consolou-me. Acabamo-nos por perder dos casais alemaes, mas nao me importei porque a Hege e o Oddi eram um casal muito interessante. O Oddi tinha uma cultura geral sensacional e trocamos imensos pontos de vista politico e religiosos. Talvez um dia teremos de ir a Noruega para os encontrar outra vez. O convite foi feito! Este dia foi excelente desde o inicio ate ao fim. Chegamos a guesthouse estourados, mas o dia seguinte comecava uma nova etapa: a viagem ate Laos.

GetAttachment6.jpg15_Mar5.jpg15_Mar6.jpg

Posted by Themoffats 01:56 Archived in Thailand

Email this entryFacebookStumbleUpon

Table of contents

Be the first to comment on this entry.

This blog requires you to be a logged in member of Travellerspoint to place comments.

Enter your Travellerspoint login details below

( What's this? )

If you aren't a member of Travellerspoint yet, you can join for free.

Join Travellerspoint